ArabicEnglishJapanesePortugueseSpanish
As diferenças entre creme hidratante, loção e óleo

As diferenças entre creme hidratante, loção e óleo

Quando falamos sobre beleza e cuidados com a nossa pele, uma coisa é certa: as necessidades e preferências sobre hidratação são tão variadas quanto as opções de cosméticos disponíveis no mercado.

O que se adequa a um tipo de pele, pode não ser a melhor opção para outro. Na verdade, pode ser exatamente o oposto do que a pele precisa.

Muitas vezes, o caminho para encontrar o que você precisa pode ser repleto de alguns desacertos. Especialmente na hora de escolher a textura certa dos produtos.

E pessoas que possuem pele oleosa e textura irregular podem ter ainda mais dificuldade.

Então deixe que a gente te ajude a ir na direção certa. Afinal, sua pele merece sempre o melhor cuidado e carinho.

Veja a seguir as diferenças entre óleo, loção e creme hidratante. E qual é a melhor opção para o seu tipo de pele e momento atual.

Saiba mais sobre óleos e suas aplicações

Independente da textura dos produtos, muitos deles podem possuir óleos em sua composição. Isso porque os óleos são considerados um componente essencial, já que possuem uma alta concentração de princípios ativos, nutrientes e antioxidantes.

Eles são 100% ativos e facilmente absorvidos na pele, ajudando a garantir uma pele hidratada. Por isso, podem ser componentes da formulação ou usados sozinhos, para uma hidratação mais potente.

Um mito bastante comum no cuidado da pele, é que os óleos vão obstruir seus poros e deixar sua pele ainda mais oleosa. Ou, se ela já for oleosa, fazer com que você tenha surtos de acne. Isso não é totalmente verdadeiro, já que muitos óleos têm a incrível capacidade de equilibrar a pele. O segredo é apenas a moderação no uso e na escolha das áreas de aplicação.

Fora isso, todos os tipos de pele podem se beneficiar de produtos com essa textura. Isso vale especialmente para peles maduras. À medida que envelhecemos, o óleo (sebo) produzido naturalmente por nossa pele começa a diminuir. É então que surge aquela aparência ressecada, que favorece o surgimento das linhas de expressão. Os óleos podem ajudar nesse momento, já que ajudam a reabastecer a barreira lipídica, lubrificando a pele de forma eficaz, combatendo o surgimento de linhas finas e rugas.

Os óleos também podem ser de grande ajuda nos dias de temperatura mais frias, que fazem sua pele sofrer com os ventos frios e chuveiradas mais quentes.

Loções e seus resultados

No que diz respeito às loções, elas são um tipo de hidratante, tanto de rosto quanto para o corpo, projetado para ser absorvido rapidamente pela pele. Dessa forma você pode continuar com o seu dia, sem se preocupar em esperar o produto secar e ser absorvido na pele.

De um modo geral, as loções possuem composições mais ricas do que as suas versões em gel. Isso pode beneficiar mais as pessoas de pele normal ou secaespecialmente aquelas que se encontram em climas secos e precisam de uma hidratação potente, mas sem pesar tanto.

A força dos cremes hidratantes

O creme hidratante pode ser indicado para todos os tipos de pele, mas pessoas de pele oleosa podem não se sentir à vontade com a textura da pele do rosto após a aplicação.

Já quem possui pele muito seca, sensível, alérgica ou madura, que requer uma hidratação mais intensa, pode obter mais benefícios.

Sua textura é mais grossa e consistente, o que pode fazer a absorção ser mais demorada. De toda forma, prefira produtos mais neutros e sem perfumes, para evitar o surgimento ou agravamento de alergias.

A principal diferença em loções, cremes e óleos

Como você pode ver, loções, cremes e óleos são produtos que têm como objetivo: hidratar e suavizar a pele, com funções nutritivas e calmantes também em alguns casos. Mas a principal diferença, além dos aditivos, é a relação óleo-líquido de cada um. Os óleos dificilmente apresentam aditivos líquidos. Muitos podem ser mais gordurosos e demandar um pouco mais de tempo para ser absorvido na pele.

Em contrapartida, outros podem ser absorvidos em questão de minutos, sem deixar uma sensação gordurosa. Os cremes são uma mistura de óleo e líquido, geralmente apresentando uma maior porcentagem de óleos. Eles são mais espessos, alguns até chegam a apresentar uma textura semelhante à da manteiga.

São absorvidos mais facilmente, se comparado aos óleos, mas suas propriedades hidratantes tendem a durar mais do que as loções.
Loções também apresentam uma mistura de óleo e líquido em suas composições, mas eles são os que apresentam uma textura mais fina entre os três. Isso se deve ao volume maior líquido em sua formulação, o que favorece uma absorção mais rápida na pele.

Para escolher qual das três opções melhor se encaixa em seu problema, vale ir além do seu tipo de pele. Considere as condições climáticas (dias de inverno ou feriados na praia podem pedir uma hidratação maior), o volume de linhas finas e de expressão em determinadas áreas  do seu corpo e rosto e por aí vai.

Na dúvida, escolha produtos da JIKI Cosméticos: formulados à base de turmalina negra, ajudam a manter sua pele mais jovem, saudável e limpa.

Clique aqui e conheça todos os produtos da JIKI e seus benefícios!

As diferenças entre creme hidratante, loção e óleo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×
Podemos ajuda-lo